As sementes podem fazer mal

As sementes podem fazer mal?

As sementes podem fazer mal?

 

Podem fazer mal, sim, mas apenas se utilizadas indevidamente. As sementes – linhaça, chia, girassol, abóbora, cânhamo, papoila, sésamo – começaram a fazer parte da nossa alimentação há uns anos e são apelidadas de super-alimento, e bem, devido ao seu excepcional valor nutricional que, em muito, pode complementar uma alimentação equilibrada. Destacam-se o seu elevado teor em fibra dietética, que auxilia ao controlo da diabetes e ao bom funcionamento do intestino, a riqueza em óleos do tipo ómega-3 e ómega-6, com poder anti-inflamatório e hipocolesterolémico, a boa fonte de proteína vegetal, podendo complementar dietas vegetarianas, e a riqueza em sais minerais, como o potássio, cálcio e magnésio, essenciais no bom funcionamento múscular, saúde óssea e ciculação sanguínea, entre outros benefícios.

 

Mas, então, porque podem fazer mal? O bom senso diz-nos que tudo o que é em excesso pode ser prejudicial, e as sementes não são excepção. O excesso de fibra poderia prejudicar o funcinamento do intestino e de toda a digestão, e o excesso de sementes pode representar também mais calorias na dieta, levando ao aumento do peso, pelo que deve sempre consumi-las com moderação, ou seja, uma a duas colheres de sopa por dia. Existe ainda o risco de poderem bloquear o tubo digestivo, sobretudo se consumidas em grande quantidade e com pouca água, pelo que deve consumi-las sempre com moderação e com abundância de água (consumir 1 copo por cada colher de sopa de sementes, ou deixá-las em água a hidratar umas horas antes). Por último, existe um contra-indicação que pode ser absoluta, que se prende com as doenças inflamatórias do intestino, como a doença de Crohn, colite ulcerosa ou diverticulite, em que as sementes podem aumentar os gases e o desconforto intestinal, podendo mesmo acumular-se em pequenas bolsas no intestino e causar episódios graves de inflamação intestinal. Atenção, isto só é verdade para um intestino que padece destas condições, sendo que uma pessoa saudável não sofrerá este risco desde que consuma com moderação.

 

Para que consuma as sementes em segurança, deve sempre aconselhar com um Nutricionista ou um Profissional de Saúde, que lhe dará as indicações do seu consumo adequado.

 

 


Mostrar por página
Ordenado por
Sementes de Chia
Sementes de Chia

Um superalimento que regula o colesterol e aumenta a imunidade do organismo.

Antes

3,06 €
2,41 €
Você poupa 21 %
Sementes de Chia Pack 3
Sementes de Chia Pack 3

Um Superalimento que regula o colesterol e aumenta a imunidade do organismo

 

Antes

9,19 €
6,58 €
Você poupa 28 %
Sementes Linhaça
Sementes Linhaça

A fonte mais rica de Ômega 3 existente na natureza. Um Super Alimento!

 

Antes

3,07 €
2,44 €
Você poupa 21 %
Sementes Linhaça em Pó
Sementes Linhaça em Pó

A fonte mais rica de Ômega 3 existente na natureza. Um Super Alimento!

 

Antes

4,45 €
3,17 €
Você poupa 29 %
Sementes Linhaça em Pó Pack 3
Sementes Linhaça em Pó Pack 3

A fonte mais rica de Ômega 3 existente na natureza. Um Super Alimento!

 

Antes

13,36 €
9,12 €
Você poupa 32 %
Sementes Linhaça Pack 3
Sementes Linhaça Pack 3

A fonte mais rica de Ômega 3 existente na natureza. Um Super Alimento!

 

Antes

9,22 €
6,36 €
Você poupa 31 %
Pequeno Almoço Mix
Pequeno Almoço Mix

Pó 100% Biológico de Cacau, Espirulina, Lucuma, Maca, Sementes de Cânhamo e Bagas de Açaí..

 

Antes

20,64 €
17,97 €
Você poupa 13 %
Slimming Mix
Slimming Mix

Pó 100% Biológico de espirulina, lúcuma, guaraná, clorela e sementes de cânhamo descascadas .

 

Antes

23,37 €
19,68 €
Você poupa 16 %