Os inúmeros benefícios do coenzima Q-10

Os inúmeros benefícios do coenzima Q-10

Os inúmeros benefícios do coenzima Q-10

O que é

O coenzima Q-10 (CoQ-10), também designado por ubiquinona, é uma substância importante no nosso organismo, similar a uma vitamina, reconhecida pela primeira vez em 1957, sendo que a designação Q-10 deriva da sua composição química. O CoQ-10 existe na maioria das células do nosso corpo, sobretudo no coração, rins, fígado e pâncreas.  O CoQ-10 é, pois, necessário para o normal funcionamento de órgãos e para a ocorrência de inúmeras reacções químicas por todo o corpo, com destque para a sua participação no processo de produção de energia necessária à manutenção e ao crescimento de todas as células. Tem também um papel como agente antioxidante, protegendo as células de danos provocados pelos radicais livres e que conduzem a envelhecimento precoce, danos nos vasos sanguíneos, alguns tipos de cancro e até à morte celular.

Vários estudos têm reportado que alguns indivíduos que sofrem de doenças como insuficiência cardíaca congestiva, hipertensão arterial, doença periodontal, doença de Parkinson, imuno-deficiência e algumas doenças musculares,  apresentam concentrações mais baixas de CoQ-10 no organismo, por comparação com indivíduos saudáveis.

 

Onde se encontra

O CoQ10 encontra-se na alimentação, ainda que em pequena quantidade, excepto nos alimentos como a carne de vaca, mariscos, vísceras de animais e amendoins, onde o seu teor é relativamente mais elevado. Usualmente, a maior necessidade de aporte de CoQ10 requer sua utilização na forma de suplemento alimentar ou de medicamento, de modo a obter as quantidades desejadas. O CoQ-10 de origem não-alimentar pode ser obtido da fermentação da beterraba com açúcar de cana levada a cabo por estirpes especificas de leveduras.

 

Acção e benefícios de saúde

Considerando que o CoQ-10 é um elemento necessário ao normal funcionamento do organismo, muitas pessoas recorrem actualmente ao seu uso na prevenção e tratamento de diversas patologias. De salientar que a carência clínica de CoQ-10, ainda que pouco comum, se manifesta por fadiga, desorientação e convulsões.

 

O CoQ-10 tem sido sugerido como uma ferramenta médica eficaz no tratamento de doenças cardio-vasculares (coração e vasos sanguíneos), tais como a insuficiência cardíaca congestiva (ICC), angina de peito, hipertensão e outros problemas cardíacos associados a medicação especifica usada no tratamento do cancro. No caso particular da ICC, doença que acontece quando o coração bombeia o sangue de forma ineficaz ou insuficiente, um recente estudo sugeriu o CoQ-10 como uma substância capaz de reduzir a mortalidade em insuficientes cardíacos. Verificou-se que os níveis de CoQ-10 estão reduzidos no miocárdio (músculo cardíaco) em doentes com insuficiência cardíaca; quanto maior a gravidade da doença, menor a quantidade da substância.  Acresce que, alguns medicamentos utilizados no tratamento da  insuficiência cardíaca, podem agravar ainda mais o funcionamento celular, causam efeitos secundarios indesejáveis. Por este motivo, sugere-se a vantagem da utilização de CoQ-10, que é uma substância natural e segura, como suplemento para correcção dessa deficiência. Neste caso especifico, a CoQ-Q10 existente nos alimentos não seria suficiente, sendo necessárias doses terapêuticas significativamente mais elevadas, fornecidas na forma de suplemento ou medicamento.

 

No que respeita à hipertensão arterial, uma dos factores major de risco cardio-vascular, a ingestão de CoQ-10, isolada ou associada a medicação anti-hipertensiva, parece ser eficaz na redução da pressão arterial, tornando-se assim numa mais valia no tratamento natural e seguro desta doença. A suplementação com CoQ-10 tambem parece ser vantajosa na diabetes mellitus, sendo que vários estudos a associam com a redução dos danos nervosos causados pela doença, em particular a dor neuropática periférica diabética.

 

Em pessoas com hipercolesterolémia (colesterol elevado) e/ou hipertrigliceridémia (triacilgliceróis elevados), a suplementação de CoQ-10 traduz-se na redução dos níveis de colesterol total, de colesterol-LDL (“mau colesterol”), dos triacilgliceróis, aumentando ainda os níveis de colesterol-HDL (“bom colesterol”).

 

No âmbito da prevenção e tratamento de doenças cancerígenas, a investigação tem sugerido a associação entre baixa concentração de CoQ-10 e o desenvolvimento de cancro de pele e, em mulheres, ao maior risco de sofrer de cancro de mama. Ainda, em pacientes com cancro, a suplementação com COQ-10 e outros antioxidantes e ácidos gordos ómega 3 e 6, parece contribuir para um melhor prognóstico, juntamente com os tratamentos convencionais.

 

O CoQ-10 terá, provavelmente, tambem vantagem na prevenção do desenvolvimento de doenças neuro-degenerativas, como as doenças de Parkinson, de Alzheimer ou de Lou Gehrid, ajudando também no tratamento das mesmas, na medida em que parece melhorar a função cognitiva e motora e atrasar a progressão da doença.

 

Em pessoas que sofrem de doenças musculares, como distrofia muscular, síndrome de fadiga crónica, fibromialgia ou dores musculares, a ingestão de CoQ-10 parece melhorar o rendimento físico e contribuir para a melhoria da qualidade de vida. Também poderá ser benéfico para praticantes de desporto, na medida em que melhora a tolerância ao exercício e auxilia no aumento dos níveis de energia necessários aos músculos, o que se deve ao papel do CoQ-10 na produção de ATP, a molecular celular que funciona como “bateria” orgânica na transferência de energia.

 

O CoQ-10 é também reconhecido como útil no tratamento da queda de cabelo e, ainda que  oficialmente comprovado, parece actuar na melhoria da circulação do couro cabeludo, estimulando o crescimento do cabelo.  O seu poder antioxidante faz do CoQ-10 uma referência anti-envelhecimento celular, estando associado ao prolongamento dos anos de vida útil, hipótese que originou da observação de que os níveis orgânicos de CoQ-10 são mais elevados nos primeiros 20 anos de vida, sendo que pelos 80 anos, podem atingir valores inclusivamente inferiores ao tidos à nascença. Pensa-se que a reposição dos níveis de CoQ-10 nos últimos anos de vida possa levar a maior longevidade, teoria ainda para ser testada no ser humano. Neste âmbito, refira-se que não apenas a idade leva ao esgotamento das reservas de CoQ-10 armazenadas no nosso corpo, mas também alguns hábitos de vida errados, como o de fumar. Ainda no âmbito do combate ao envelhecimento, o CoQ-10 pode contribuir para a juventude da pele,  melhorando o aspecto das rugas e retardando o seu aparecimento. Por este motivo, é usualmente integrado na composição de produtos cosméticos.

 

Varios estudos recentes demonstraram a vantagem do CoQ-10 para a manutenção de um visão saudável. Especificamente, demonstraram que a ingestão de um suplemento especifico contendo CoQ-10, acetil L-carnitina e ácidos gordos ómega-3 resultou na melhoria da visão em pessoas Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI).

 

A ingestão de CoQ-10 poderá ser também vantajosa na prevenção de enxaquecas, gengivite e outras doenças das gengivas, e ainda reforçar a imunidade, sobretudo em pessoas com imuno-deficiências como o VIH/SIDA.

 

Utilização do CoQ-10

O CoQ10 parece ser seguro para a maioria das pessoas, sem efeitos secundários a reportar até à data, contudo, tal como se recomenda antes da toma de qualquer suplemento alimentar, aconselhe-se sempre com um profissional de saúde sobre a toma de CoQ-10.

A dose diária de CoQ-10 em suplemento alimentar pode variar entre 90 a 400mg. Pelo facto de ser uma substância lipossolúvel, deverá ter o cuidado de ser ingerida com uma refeição que contenha alguma fonte de gordura, de forma a que seu organismo tire o máximo partido da sua absorção.

 

Alimente-senutrabemasuapele Colagenio Colesterol
 


 


 


Mostrar por página
Ordenado por
Normolip
Normolip
 

Controlo de níveis elevados de colesterol.

Antes

20,23 €
17,48 €
Você poupa 14 %
Nutricérebro Cápsulas
Nutricérebro Cápsulas

Memória. Concentração. Atenção. Stresse. Esgotamento. Alzheimer.

 

Antes

22,14 €
16,48 €
Você poupa 26 %
Cerebrum Energy Ampolas
Cerebrum Energy Ampolas

A Vitamina B6 contribuí para a redução do cansaço e da fadiga.

 

Antes

27,93 €
23,99 €
Você poupa 14 %