Benefícios do café

Benefícios do café

Benefícios do café

O café é a bebida preparada mais consumida no mundo, e os portugueses são grandes apreciadores. O consumo moderado de café tem sido alvo de inúmeros mitos, mas os vários estudos científicos realizados ate à data têm vindo a associá-lo a enormes benefícios de saúde, com impacto positivo na prevenção de várias doenças. Conheça alguns dos benefícios do café:

 

1. Valor nutricional. O café é, na sua forma simples, praticamente isento de calorias, pelo que não terá de privar-se dele em regimes de emagrecimento ou de tratamento da diabetes, por exemplo. Além da cafeína, é fonte de centenas de compostos químicos distintos, muitos deles com capacidade antioxidante. É, ainda, fonte moderada de minerais como o sódio, fósforo, manganês, potássio e magnésio, e de vitaminas como a riboflavina, tiamina, acido fólico e niacina.

2. Diabetes. Recentes estudos observaram que pessoas que consomem café regularmente tem menor probabilidade de desenvolver diabetes tipo II, por comparação com pessoas que não consomem café. Pensa-se que tal se deva a acção dos princípios activos presentes no café, como o ácido clorogénico e outros alcaloides que auxiliam na redução de glicose e da insulina.

3. Cancro. O consumo moderado de café está associado à redução do risco de alguns tipos de cancro, nomeadamente, da mama, do cólon, do fígado e da próstata. Tal efeito pde ser explicado pela sua riqueza em antioxidantes, responsáveis pela protecção das células contra os danos dos radicais livres, com consequente prevenção de doenças cancerígenas e atraso do processo de envelhecimento.

4. Exercício físico. A acção estimulante da cafeína traz vantagens para praticantes de desporto, nomeadamente do que concerne o aumento da resistência e melhoria da performance desportiva. Alguns estudos sugerem, ainda, que o seu consumo auxilia na redução da fadiga muscular pós-treino. De referir também o efeito do café no aumento da sensibilidade a insulina e que se traduz  na manutenção dos níveis de glicose (açúcar) no sangue e na consequente melhoria dos níveis de energia.

5. Emagrecimento e celulite. O café é um conhecido diurético natural, pelo que promove a eliminação de líquidos em excesso. Além disso, a cafeína é um conhecido agente termogénico, com efeito na aceleração do metabolismo, auxiliando à utilização de gordura corporal como fonte de energia.  É, por isso, um aliado na perda de peso e na luta contra a celulite.

6. Memória. Vários estudos associam o consumo de café à melhoria da memória e à prevenção de doenças degenerativas do sistema nervosos central, como a doença de Parkinson, doença de Alzheimer e outros tipos de demência.

7. Doenças cardiovasculares. O poder antioxidante e anti-inflamatório dos constituintes do café pode auxiliar na prevenção de doenças cardiovasculares. Contudo, o facto de ser fonte de cafeína, uma substância excitante, pode fazer com que seja contra-indicado para pessoas com sensibilidade a este composto, cujo consumo, mesmo que moderado, poderia causar irritabilidade, insónias, hipertensão e/ou palpitações.

 

Desta forma, o consumo regular e moderado em adultos saudáveis é recomendado pelos seus inúmeros benefícios; a ingestão diária máxima recomendada de cafeína é de 300 mg, o que equivale a  cerca de três chávenas médias de café expresso por dia.

 

:: ARTIGOS RECOMENDADOS PARA SI

 

cebola1.jpg mel Figo